A Câmara do Porto quer reforçar o corpo do Batalhão dos Sapadores Bombeiros, pelo que lançou um concurso para ingresso a estágio de 35 bombeiros sapadores recruta, conforme refere anúncio publicado esta segunda-feira em Diário da República (DR).

De acordo com o anúncio publicado, trata-se de um “concurso externo de ingresso para admissão a estágio destina-se a 35 Bombeiros Sapadores Recruta, da carreira de Bombeiro Sapador para o Batalhão de Sapadores Bombeiros, da área funcional Socorro e Proteção do Mapa de Pessoal desta Autarquia”.

Além de combater os incêndios, aos candidatos pede-se que estejam preparados para prestar socorro às populações em caso de incêndios, inundações, desabamentos, abalroamentos, acidentes, catástrofes ou calamidades.

O anúncio também faz referência, entre outros aspetos, à prestação de socorro a náufragos e a buscas subaquáticas, ao exercício de atividades de socorro e transporte de sinistrados, bem como doentes, incluindo a urgência pré-hospitalar.

Os bombeiros sapadores também têm como funções fazer a proteção contra incêndios em edifícios públicos, casas de espetáculos e divertimento público e outros recintos, mediante solicitação, nomeadamente prestando serviço de vigilância durante a realização de eventos públicos.

"Emitir, nos termos da lei, pareceres técnicos em matéria de proteção contra incêndios e outros sinistros" e "participar noutras ações, para as quais estejam tecnicamente preparados e se enquadrem nos seus fins específicos", são outras das funções descritas em DR.

O concurso lançado hoje, e cujo júri é presidido pelo Comandante do Batalhão de Sapadores Bombeiros do Porto, tem como validade o período de preenchimento dos postos de trabalho a que se destina.

Os candidatos devem ter nacionalidade portuguesa, entre 18 e 25 anos, e como habilitações mínimas o 12.º ano de escolaridade ou equivalente.

"Robustez física e o perfil psíquico indispensáveis ao exercício das funções" são características também mencionadas no anúncio que também descreve, entre outros procedimentos, que a seleção será feita depois de apresentado currículo, bem como após prestação de provas de conhecimento geral, provas práticas e físicas, bem como exames médicos.

Conforme se lê no site da Câmara do Porto, o Batalhão de Sapadores Bombeiros (BSB) atua no âmbito da proteção de pessoas, de bens e do ambiente, principalmente na área do município do Porto.

Atualmente o quadro de pessoal desta unidade orgânica é constituído por 268 efetivos, entre chefias, sapadores e pessoal civil, refere a autarquia no site.

/ LF