A Polícia Judiciária (PJ) de Braga deteve um homem de 32 anos "suspeito do crime de violação agravada", factos "ocorridos em contexto familiar, durante os últimos anos", anunciou hoje aquela força policial.

Em comunicado, a PJ explica que a detenção foi feita através do Departamento de Investigação Criminal de Braga e "em cumprimento de mandado de detenção fora de flagrante delito", emitido pelo Ministério Público/Departamento de Investigação e Ação Penal de Guimarães.

O suspeito vai ser presente à autoridade judiciária para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas", acrescenta.