A Alfândega do Aeroporto Humberto Delgado (Lisboa) apreendeu 32 quilos de cocaína numa mala de viagem proveniente do Brasil, revelou esta quarta-feira a Autoridade Tributária e Aduaneira (AT).

Num comunicado, a que a Lusa teve acesso, a AT adianta que a droga estava acondicionada em barras na mala, sem qualquer mercadoria que a dissimulasse.

O produto apreendido foi entregue à Polícia Judiciária, entidade competente para a investigação criminal do tráfico e estupefacientes.

Ao longo as últimas semanas os serviços da Alfândega da AT efetuaram várias apreensões de cocaína nos aeroportos de Lisboa e do Porto, escondida em malas provenientes do Brasil.

A principal diferente face à operação agora divulgada está no facto de nas apreensões anteriores a droga estar dissimulada em fundos falsos das malas, o que desta vez não acontecia.

VEJA TAMBÉM: AUTORIDADE TRIBUTÁRIA E ADUANEIRA APREENDEU 85 QUILOS DE COCAÍNA NO AEROPORTO DE LISBOA

/ NM