A GNR está a tentar localizar um camionista de 45 anos que está desaparecido desde segunda-feira, após um acidente com um camião na Autoestrada 4 (A4), entre Vila Real e Murça.

A queixa pelo desaparecimento do condutor foi formalizada hoje, em Guimarães, por familiares do homem.

Fonte da GNR disse à agência Lusa que o acidente ocorreu na segunda-feira à tarde na A4, entre os nós do Pópulo e de Murça, perto de uma das saídas da emergência.

Os militares quando chegaram ao local encontraram o camião tombado na autoestrada, sem, no entanto, encontrarem indícios do condutor.

A fonte disse que, de acordo com testemunhas e as câmaras de videovigilância da A4, o homem saiu da autoestrada perto do local do acidente.

Em consequências, a GNR efetuou buscas nas imediações e nas aldeias próximas, com recurso a cães, e a militares do comando de Vila Real e do Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro (GIPS) da GNR.

A fonte referiu que a Guarda prossegue com diligências para tentar contactar o condutor e mantém patrulhamento descontinuado pelas aldeias, no sentido de o encontrar ou testemunhas que o tenham visto.

O camionista, natural de Guimarães, carregou a mercadoria no Porto e seguia em direção a Espanha.

A investigação deverá transitar para a alçada da Polícia Judiciária (PJ) de Vila Real.