Um homem, de 45 anos, foi detido pela GNR por suspeitas de cultivo de canábis, no concelho de Grândola (Setúbal), tendo sido  apreendidas mais de 1.600 sementes e 10 plantas, revelou esta sexta-feira aquela força de segurança.

O Comando Territorial de Setúbal da GNR, em comunicado enviado à agência Lusa, indicou que a detenção foi efetuada na quinta-feira, por militares do Posto Territorial de Grândola.

Na sequência de uma denúncia de cultivo de canábis, os militares da Guarda deslocaram-se ao local, e, após diligências policiais, apreenderam 1.632 sementes e 10 plantas de canábis.

Fonte da GNR adiantou à Lusa que o suspeito foi constituído arguido e presente hoje ao Tribunal Judicial de Grândola para primeiro interrogatório judicial, tendo o juiz decidido que o processo passa a inquérito.

/ PP