O julgamento à morte de Carlos Castro vai sofrer uma pausa devido à entrega a um novo juiz do Supremo Tribunal de Nova Iorque do processo de Renato Seabra, acusado do homicídio do colunista.

Segundo uma fonte ligada ao processo contactada pela Lusa, o terceiro juiz a ter em mãos o caso, Daniel Fitzgerald, «estará a pôr-se a par» do processo, durante esta quinta-feira.

«O processo de seleção dos jurados pode começar na sexta-feira, mas mais provavelmente apenas na próxima semana», disse à Lusa Diem Tram, assistente da procuradora Maxine Rosenthal, responsável pela acusação de Seabra.

A seleção de jurados, a acordar entre defesa e acusação, deveria ter tido início na quarta-feira.

O processo pode demorar entre poucos dias e até duas semanas, dependendo da facilidade com que são escolhidos os jurados.
Redação / CF