A união de freguesias de Ramada e Caneças está a ser uma região particularmente afetada pela pandemia de Covid-19. Depois de ser conhecido o foco de contágio na Casa de Repouso da Enfermagem Portuguesa, há agora casos no lar de Nossa Senhora da Aparição e na Escola Secundária de Caneças.

Casa de Repouso da Enfermagem Portuguesa: uma morte e 87 casos positivos

Na Casa de Repouso da Enfermagem Portuguesa, o surto já levou a que fossem realizados mais de 100 testes de despistagem. Todos os utentes da Casa de Repouso da Enfermagem Portuguesa foram testados. Até ao momento, registam-se 87 casos positivos de Covid-19, 60 utentes e 27 funcionários.

Durante a manhã desta quarta-feira, o presidente da união de freguesias de Ramada e Caneças, Manuel Varela, confirmou  uma segunda morte por Covid-19, no lar. O autarca disse que um utente com patologias anteriores teria morrido no Hospital Beatriz Ângelo, durante a tarde desta terça-feira. Contudo, horas depois acabou por desmentir esta informação. De acordo com o autarca a utente não terá morrido, mas sim sido transferida de piso no hospital.

Houve uma informação do hospital, que a senhora não tinha falecido, mas sim transferida de piso", divulgou Manuel Varela.

A TVI sabe que o óbito registado até ao momento foi uma utente que morreu na segunda-feira, também no Hospital Beatriz Ângelo, de acordo com uma sobrinha da vítima mortal.

Até ao momento a administração da Casa de Repouso da Enfermagem Portuguesa não fez qualquer comentário ao surto do novo coronavírus.

O autarca Manuel Varela acredita que o foco de contágio poderá ter sido iniciado por um funcionário que testou positivo, na sexta-feira. O trabalhador terá sido responsável por transportar o novo coronavírus para o interior da instituição. A autarquia acredita que o surto tenha tido início na quinta-feira.

O presidente da união de freguesias revelou ainda que existem dez utentes do lar internados no Hospital Beatriz Ângelo, em Loures. Nenhum dos pacientes apresenta um quadro clínico grave.

Nenhum dos 27 funcionários contagiados está internado numa unidade hospitalar, uma vez que todos apresentam um quadro clínico estável.

Na Casa de Repouso da Enfermagem Portuguesa residem mais de 100 utentes distribuídos por duas unidades isoladas. O plano de contingência já foi ativado em ambos os polos.

Lar da Nossa Senhora da Aparição: 26 casos positivos

Também o Lar da Nossa Senhora da Aparição, em Caneças, está a ser o epicentro de um surto de coronavírus. 

De acordo com o presidente da união de freguesias de Ramada e Caneças todos os utentes e funcionários desta instituição estão infetados.

Foram confirmados 26 casos positivos de Covid-19 no interior da instituição. 

A direção do lar recusou falar com a TVI.

Escola Secundária de Caneças: um caso positivo

A direção da Escola Secundária de Caneças viu-se obrigada a suspender as aulas presenciais do 11º e 12º depois de uma aluna ter testado positivo para a Covid-19.

Manuel Varela revelou que existe um caso de contágio, mas negou a existência de um surto na instituição.

Ainda assim, o autarca explicou que esta ocorrência motivou a ativação do plano de contingência e a cessação das aulas presenciais.

Nuno Mandeiro