Uma funcionária terá estado três dias na entrada da loja onde trabalha, quase sempre de pé e sem qualquer função atribuída.

A denúncia surgiu nas redes sociais e um vídeo mostra a trabalhadora fardada, de pé, na zona de entrada de um estabelecimento em Avintes, Vila Nova de Gaia.

Segundo fontes ouvidas pela TVI, esta trabalhadora terá estado três dias nesta situação e sem funções atribuídas, apenas a cumprir horário. Isto depois de ter recusado uma proposta para abandonar a empresa. 

O caso está a ser acompanhado pelo Sindicato dos Trabalhadores do Comércio e Serviços que fala em "castigo" por parte da gerência.