Uma mulher de 69 anos morreu na madrugada de sexta-feira após um incêndio na habitação onde residia, em Chaves, que terá sido causado devido a um cobertor elétrico, adiantou à Lusa o comandante dos Bombeiros Voluntários Flavienses.

O incêndio terá começado num colchão, em princípio devido a um cobertor elétrico", explicou José Lima.

O alerta para o incêndio no concelho de Chaves, distrito de Vila Real, foi dado às 05:21 da madrugada e, além da vítima mortal, um homem, marido, foi retirado pelos bombeiros apenas com ferimentos ligeiros, acrescentou.

A vítima, de 69 anos, vivia com o marido mas "estava acamada ou, pelo menos, teria mobilidade reduzida”.

No local estiveram oito operacionais dos Bombeiros Voluntários Flavienses com quatro carros e ainda uma ambulância dos Bombeiros Voluntários de Salvação Pública de Chaves.

A Polícia Judiciária foi chamada ao local para apurar as causas que estiveram na origem do incêndio.

Na quarta-feira, uma mulher de 84 anos morreu e um homem de 85 anos ficou ferido na sequência de um incêndio que consumiu a casa onde residiam no lugar da Pousada, concelho de Vila Real, segundo fontes dos bombeiros e da GNR.

/ CE