Um homem suspeito de ter assaltado duas vezes um posto de abastecimento de combustíveis em Coimbra e de ter colocado em risco a vida do funcionário foi detido pela Polícia Judiciária, foi hoje anunciado.

O presumível autor da “prática de um crime de homicídio, na forma tentada, e de dois crimes de roubo” é um homem de 51 anos de idade, revela a Diretoria do Centro da Polícia Judiciária (PJ), numa nota divulgada hoje.

O homem foi detido na quinta-feira, 11 de outubro, “na sequência de um assalto, com arma branca, a um posto de combustível, na cidade de Coimbra”.

O funcionário das bombas de gasolina foi atingido com “um golpe na zona do peito”, provocando-lhe “lesões graves”, que “puseram em risco a sua vida”, refere a Judiciária.

A PJ suspeita que o detido seja o mesmo homem que assaltou “o mesmo posto de abastecimento de combustível, no passado dia 04 de outubro”.

O detido já “foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva”, adianta a força policial.

/ LCM com LUSA