Um atropelamento ferroviário provocou hoje uma vítima mortal em Rio Tinto, Gondomar, disse à Lusa fonte dos Bombeiros Voluntários da Areosa-Rio Tinto.

O atropelamento ocorreu na passagem de nível do Caneiro, em Rio Tinto, e o alerta foi dado pelas 13:40, acrescentou a fonte dos Bombeiros de Rio Tinto, que estiveram no local.

Segundo fonte da Comboios de Portugal (CP), pelas 14:40 a circulação dos comboios estava "normalizada" e o acidente provocou apenas um atraso "entre os 30 e os 40 minutos" num alfa-pendular.

Mulher gravemente ferida em Gaia

Uma mulher foi hoje atropelada por um comboio, no apeadeiro de Valadares, concelho de Vila Nova de Gaia, tendo ficado “gravemente ferida”, disseram à Lusa fontes dos bombeiros e proteção civil.

De acordo com as fontes, a vítima foi transportada para o Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho.

O acidente ocorreu cerca das 10:00 e mobilizou para o local 17 bombeiros e cinco viaturas.

A circulação ferroviária não foi afetada, segundo as fontes do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) do Porto e dos Sapadores de Gaia.