A Fundação Champalimau anunciou, nesta quinta-feira, o cancelamento da conferência Metamorphosis: science, information, planet and democracy devido ao coronavírus.

O evento estava programado para os próximos dias 12 e 13 de março.

A Fundação Champalimaud lamenta anunciar o cancelamento da conferência 'Metamorphosis: science, information, planet and democracy'. Com base nos dados conhecidos até ao momento e as preocupações associadas à disseminação do coronavírus, as Instituições organizadoras tomaram a difícil decisão de não prosseguir com o encontro programado para os dias 12 e 13 de março. Esperamos realizar esta conferência no futuro, informação que confirmaremos com a maior brevidade possível", escreveu a Fundação na sua página no Facebook, nas línguas portuguesa e inglesa.

A China reportou, nesta quinta-feira, 254 novas mortes e 15.152 novos infetados em 24 horas pelo novo coronavírus, designado Covid-19, num aumento recorde que resulta de uma alteração na metodologia da contagem.

O número total de mortes pelo surto, inicialmente detetado em dezembro passado, fixou-se, assim, em 1.367, enquanto o número de casos confirmados ascendeu a 59.804, em toda a China continental.

Para além do continente chinês, Hong Kong, Filipinas e Japão reportaram um morto cada.

A Comissão Nacional de Saúde da China detalhou que, entre os pacientes, há 8.030 casos graves e que 5.911 pessoas foram curadas e tiveram alta.

A província chinesa de Hubei, de onde o vírus é originário, registou, nas últimas 24 horas, 242 mortos, mais do dobro em relação ao dia anterior.

Também o número de infetados ultrapassou em quase dez vezes os casos reportados na quarta-feira. Foram registados mais 14.840 novos casos da infeção na província, fixando o total em mais de 48 mil.

O novo método de contagem inclui "casos clinicamente diagnosticados", mas que não foram ainda sujeitos a exame laboratorial e, portanto, ausentes até agora das estatísticas.