A Madeira vai iniciar a campanha de vacinação contra a covid-19 na quinta-feira, 31 de dezembro, no Hospital Central do Funchal Dr. Nélio Mendonça, indicou esta quarta-feira o executivo regional.

De acordo com uma nota da Presidência do Governo Regional, o chefe do executivo, Miguel Albuquerque vai estar presente, às 12:00, no Serviço de Formação do Serviço de Saúde da Madeira, no Hospital Dr. Nélio Mendonça, para o início da campanha de vacinação na região autónoma.

O primeiro lote de vacinas - 9.750 doses - deverá chegar esta noite, cerca das 00:00, ao arquipélago, num voo proveniente de Lisboa, ficando acondicionado em dois ultracongeladores na farmácia do Hospital Central do Funchal.

As 9.750 doses vão permitir vacinar 4.785 pessoas, num universo de 200 mil elegíveis na Região Autónoma da Madeira.

O Plano Regional de Vacinação Covid-19 estabelece três fases, a começar pela população mais idosa e pelos profissionais do sistema de saúde, público e privado, ao que se seguem as pessoas com comorbilidades e, depois, o resto da população.

A estimativa aponta que sejam vacinadas 50 mil pessoas na primeira fase; outras 50 mil na segunda fase, e, por fim, 100 mil pessoas.

A campanha de vacinação arrancou no domingo em Portugal, à semelhança de outros países da União Europeia.

A vacina é facultativa, gratuita e universal, sendo assegurada pelo Serviço Nacional de Saúde.

De acordo com os dados mais recentes, a Madeira contabiliza 563 casos ativos de infeção pelo novo coronavírus e 12 óbitos associados à doença.

/ AG