Portugal regista este domingo mais 2.577 casos e 19 óbitos por covid-19 nas últimas 24 horas, indica o relatório de situação divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

Portugal contabiliza agora um total de 118.686 casos confirmados de infeção e 2.316 óbitos desde o início da pandemia.

Boletim epidemiológico de 25 de outubro de 2020 by TVI24 on Scribd

As autoridades de saúde têm 58.749 pessoas em vigilância, mais 1.725 do que no sábado.

Relativamente aos internamentos hospitalares, o boletim revela que nas últimas 24 horas há mais 119 pessoas internadas totalizando 1.574. Nos cuidados intensivos estão 230, mais nove em relação a sábado.

Segundo o boletim epidemiológico, das 19 mortes registadas, 10 ocorreram na região Norte, oito em Lisboa e Vale do Tejo e uma no Alentejo.

A região Norte continua a registar o maior número de novas infeções diárias, mais 1.696 casos hoje, totalizando 50.299, e 1.022 mortos desde o início da pandemia.

Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificados 492 novos casos de infeção, contabilizando a região 52.832 casos e 927 mortes.

Na região Centro registaram-se 290 novos casos, contabilizando 9.951 infeções e 291 mortos.

No Alentejo foram registados 44 novos casos de infeção, totalizando 2.412 com um total de 36 mortos desde o início da pandemia.

A região do Algarve tem hoje notificados mais 42 casos de infeção, somando 2.469 casos e 25 mortos.

Na Região Autónoma dos Açores foram registados mais dois casos nas últimas 24 horas, somando 340 infeções detetadas e 15 mortos desde o início da pandemia.

A Madeira registou 11 novos casos nas últimas 24 horas, contabilizando 383 infeções, sem óbitos até hoje.

Os casos confirmados distribuem-se por todas as faixas etárias, situando-se entre os 20 e os 59 anos o registo de maior número de infeções.

No total, o novo coronavírus já afetou em Portugal pelo menos 54.054 homens e 64.632 mulheres, de acordo com os casos declarados.

Do total de vítimas mortais, 1.181 eram homens e 1.135 mulheres.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se nas pessoas com mais de 80 anos.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 42,6 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

A DGS revela ainda que estão ativos 47.493 casos, mais 1.523.

Nas últimas 24 horas 1.035 doentes recuperaram, totalizando 68.877 desde o início da pandemia.

Rafaela Laja / com Lusa