O Governo anunciou este domingo que vai enviar duas equipas médicas para Cabo Verde, na sequência da missão de avaliação que esteve naquele país entre 5 e 12 de maio.

As equipas vão ser coordenadas pelo INEM, e vão procurar responder à atual situação da covid-19, tanto no funcionamento dos hospitais, como dos centros de vacinação.

Esta missão trabalhou em estreita concertação com as autoridades de saúde de Cabo Verde, na cidade da Praia e no Mindelo", informa o Governo, que acrescenta que estas equipas chegam ainda este domingo ao país.

Além de profissionais do INEM, as equipas vão contar também com profissionais das Forças Armadas e do Centro Hospitalar do Baixo Vouga. Entre eles estão dois médicos com experiência em cuidados intensivos e quatro enfermeiros da especialidade de urgência/emergência e cuidados intensivos.

Estes profissionais vão reforçar a capacidade de resposta nos dois hospitais centrais das ilhas de Santiago e São Vicente.

É ainda objetivo destas equipas otimizar a capacitação, através de formação, dos recursos humanos destes hospitais nas áreas do atendimento do doente crítico e tratamento em cuidados intensivos", acrescenta o comunicado do executivo.

Estas ações integram-se na execução do Plano de Ação na Resposta Sanitária à Pandemia coivd-19 entre Portugal e os Países de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) e Timor-Leste.

Também no âmbito deste programa, Portugal enviou 24 mil vacinas para o arquipélago africano.

António Guimarães