O número de militares da GNR infetados com o novo coronavírus no Comando de Bragança subiu para 56. Os novos dados foram apresentados esta sexta-feira pela diretora-geral de Saúde (DGS), Graça Freitas, na conferência de imprensa em que é feito o ponto de situação da pandemia de Covid-19 em Portugal. 

Graça Freitas adiantou que foram realizados 168 testes, dos quais 56 positivos.

A diretora-geral de Saúde fez ainda o ponto de situação de outros surtos ou focos que têm sido tornados públicos nas últimas horas. É o caso do foco registado na Congregação das Irmãs Dominicanas, em Sintra, onde foram testadas 16 pessoas, com suspeita de infeção da doença, tendo 15 testado positivas. Treze são freiras e dois são administrativos. 

No hipermercado em Torres Vedras, foram feitos um total de 148 testes, estando seis casos confirmados. 

No foco registado na Lisnave, já foram feitos 92 testes, tendo 11 dado positivos. Aguarda-se a testagem de mais 11 pessoas. 

A pandemia de Covid-19 já provocou quase 600 mil mortos e infetou quase milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.682 pessoas das 48.077 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.