Um trabalhador da Groundforce no aeroporto de Lisboa é um "potencial infetado" com o novo coronavírus, anunciou o Sindicato dos Trabalhadores dos Aeroportos Manutenção e Aviação (STAMA).

Antes, o STAMA tinha indicado o caso como confirmado.

"Confirmamos o primeiro caso positivo de um associado nosso no aeroporto de Lisboa, a laborar na Groundforce Portugal", podia ler-se em comunicado, em que o sindicato indicava que iria transmitir a informação "à empresa e autoridades competentes".

Também hoje a Portway, a operar no aeroporto do Porto, confirmou o primeiro caso na empresa, de uma trabalhadora, já depois de dois formandos, que não estiveram no edifício do Francisco Sá Carneiro, também terem acusado positivo para Covid-19.

A Direção-Geral da Saúde anunciou, esta manhã, que o número de infetados em Portugal subiu para 331.

/ CM - atualizada às 18:20