Fernando Rocha vai ser alvo de um estudo clínico, por parte do Hospital de Santo António, no Porto, depois de vários testes positivos para a Covid-19. O humorista já realizou sete testes: cinco deram positivo, um deu negativo (o quarto) e o último, feito este sábado de manhã, o resultado só será conhecido domingo. 

Contactado pela TVI24, explicou que deixou de sentir qualquer sintoma entre o primeiro e o segundo teste: "foram precisos apenas cinco dias para ficar 'curado'".

Por essa razão, a equipa do Hospital de Santo António colheu uma amostra de sangue para perceber se estes testes positivos constantes podem, ou não, estar relacionados com algum tipo de imunidade ao coronavírus. 

Disseram-me que isto são apenas vestígios do vírus e que não são em quantidade suficiente para contaminar alguém", esclareceu. 

Desde o quarto teste, o único que deu negativo, que Fernando Rocha deixou de estar isolado em casa e passou a conviver com a família. No entanto, as saídas à rua mantêm-se proibidas. 

Febres altas, vómitos e dores no corpo foram os sintomas que o alertaram de que poderia estar infetado com Covid-19, depois de uma viagem ao estrangeiro. Esse cenário acabou por se confirmar no dia 27 de março

Em Portugal, registaram-se até este sábado 1.126 mortes e 27.406 infeções confirmadas, segundo o balanço feito pela Direção-Geral da Saúde.

Cláudia Évora