A Câmara do Porto vai cortar esta segunda-feira, a partir das 22:00, o trânsito na Avenida de D. Carlos I, na Foz, devido à previsão de agitação marítima, de vento e chuva forte.

Numa nota na sua página oficial na Internet, o município refere que, de acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevê-se a ocorrência de vento forte com rajadas que poderão atingir os 80 quilómetros por hora (km/h), entre as 00:00 e as 18:00 de terça-feira.

Está também prevista precipitação, por vezes forte e podendo ser acompanhada de trovoada, para terça-feira, entre as 00:00 e as 12:00.

Relativamente à agitação marítima, o Porto está sob aviso laranja devido à previsão de ondas de oeste/noroeste com cinco a sete metros, podendo atingir uma altura máxima de 10 a 12 metros, devendo o aviso laranja manter-se entre as 18:00 de terça-feira e as 09:00 de quarta-feira, dia em que passará para o nível amarelo.

Por precaução, torna-se necessário interromper a circulação automóvel na Avenida de D. Carlos I, na zona da barra do Douro, a partir das 22:00 desta segunda-feira, sendo o trânsito restabelecido logo que as condições do mar o permitam. A situação será reavaliada durante quarta-feira", indica a autarquia.

Face ao agravamento das condições meteorológicas, a Proteção Civil Municipal recomenda à população que tome as devidas precauções, apelando "ao respeito pelos perímetros de segurança estabelecidos para peões e veículos junto da orla costeira e acessos aos molhes – avenidas de D. Carlos I, do Brasil e de Montevideu".

Desaconselha ainda o estacionamento de viaturas e a circulação de pessoas nas zonas junto a toda a orla marítima.

Este serviço municipal recomenda ainda especial atenção na circulação, permanência e estacionamento junto a áreas arborizadas, devido à possibilidade de queda de ramos ou árvores, em virtude dos ventos fortes, e aconselha a uma atitude preventiva relativamente a equipamentos móveis ou amovíveis.

/ HCL