Cristina Ferreira contou esta quinta-feira, no programa Você na TV!, como foi estar em isolamento, depois de ter tido um contacto de alto risco.

A apresentadora revelou que teve "alguns sintomas" que não se revelaram estar diretamente relacionados com a covid-19, mas com o stress e a ansiedade

Cristina começou por explicar que tinha apresentado o programa numa quarta-feira e, na quinta-feira, soube que uma das convidadas, com quem esteve 20 minutos a falar, teria a possibilidade de estar infetada. A apresentadora contactou o SNS, que confirmou ter tido um contacto de alto risco.

A sensação de isolamento é terrível. Por mais que digam que não, é uma sensaçao de prisão de jaula que é muito complicado. E o meu filho? E os meus pais? O que é que eu vou fazer?", explicou.

A apresentadora ficou em isolamento profilático obrigatório durante 14 dias e fez dois testes, que tiveram resultado negativo. Cristina confessou que a primeira semana sozinha em casa em isolamento "foi o paraíso", mas nem sempre foi assim.

O segundo sábado custou-me muito porque é um dia de família. Isto é muito difícil", confessou.

Mesmo longe dos ecrãs, Cristina contou a Manuel Luís Goucha que sentiu o carinho do público e fez o apelo para que os portugueses sigam as medidas de prevenção à covid-19.

Não está escrito no rosto do outro que as pessoas estão infetadas", alertou.

Durante a conversa, apresentadora revelou ainda que um dos elementos da equipa do Dia de Cristina, André Manso, testou positivo à covid-19. 

Redação / RL