A GNR deteve esta quinta-feira em Felgueiras o proprietário de um restaurante, porque o estabelecimento estava a servir oito refeições à hora de almoço, em violação das determinações do Estado de Emergência, disse fonte policial.

Segundo a fonte, o proprietário do restaurante situado na localidade de Refontoura já tinha sido notificado na semana passada pela Guarda, porque se constatou que tinha o estabelecimento aberto, apesar de as medidas determinadas para reduzir os contágios por covid-19 preverem o encerramento dos espaços de restauração.

Na ocasião, não foram observados clientes no interior.

Depois de identificado, o dono do restaurante foi restituído à liberdade, ficando a aguardar o desenrolar do processo.

Mais de cem pessoas foram detidas entre 15 e 30 de janeiro pela GNR e PSP por crime de desobediência, 40 das quais por violação da obrigação de confinamento obrigatório, por incumprimento das medidas previstas no estado de emergência.

/ MJC