Os arguidos, 22 do Leste da Europa e um português, estão acusados de vários crimes, entre eles, associação criminosa, extorsão, corrupção, burla e furtos.



a extorsão era feita mediante ameaças e represálias sobre os imigrantes.