Cinco estudantes ficaram desalojadas na sequência de um incêndio ocorrido este domingo numa habitação do centro histórico de Évora, revelaram fontes do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) e do Serviço Municipal de Proteção Civil.

A fonte do CDOS de Évora indicou à agência Lusa que o fogo, para o qual foi dado o alerta às 08:13, ocorreu numa habitação situada na rua Gabriel Victor do Monte Pereira, adiantando que as chamas provocaram danos na cozinha.

Contactado pela Lusa, o comandante do Serviço Municipal de Proteção Civil, Joaquim Piteira, referiu que a casa era habitada por cinco alunas da Universidade de Évora, que ficaram desalojadas, uma vez que, na sequência do incêndio, a habitação ficou sem condições de habitabilidade.

“As cinco estudantes vão ser realojadas por colegas até o senhorio repor as condições de habitabilidade” da casa, acrescentou.

As operações de socorro mobilizaram operacionais dos Bombeiros de Évora, da PSP e do Serviço Municipal de Proteção Civil, num total de sete elementos, apoiados por três veículos.

/ AG