A GNR deteve cinco homens, entre os 17 e os 29 anos, por tráfico de droga em Valença, distrito de Viana do Castelo, e por posse ilegal de armas, anunciou, esta sexta-feria, aquela força policial.

Em comunicado, o Comando Territorial da GNR de Viana do Castelo afirma que na operação, realizada pelo Núcleo de Investigação Criminal de Valença, foram apreendidas 177 doses individuais de haxixe, 30 doses de MDMA, duas armas de fogo, duas armas brancas, 25 munições de diversos calibres, 13 telemóveis, dois veículos, uma placa em cerâmica, uma faca de corte e 1.317 euros.

Ao longo de mais de quatro meses, no âmbito de uma investigação, foi possível reunir provas que indiciam os suspeitos de tráfico de estupefacientes junto aos estabelecimentos de ensino da cidade de Valença, locais onde efetivavam a venda”, esclarece da GNR.

Além das detenções, foram ainda constituídos arguidos mais três homens.

Ouvidos no Tribunal Judicial de Valença, um dos detidos, com antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crime, ficou em prisão preventiva e aos outros quatros foi-lhes aplicada a medida de coação de termo de identidade e residência.

Estiveram envolvidos nesta operação 44 militares das diversas valências policiais do Comando Territorial da GNR de Viana do Castelo, Braga e Porto.