A GNR deteve 117 pessoas e apreendeu 55,53 toneladas de azeitona, numa operação de patrulhamento nas explorações agrícolas, que começou dia 1 de novembro de 2016.

Em comunicado divulgado nesta quinta-feira, de balanço da operação “Campo Seguro”, que terminou na terça-feira, a GNR refere que foram detidas 117 pessoas, mais 46 do que no ano anterior, identificadas 232 (menos 251) e cometidos 46 crimes, menos 13.

A GNR aplicou ainda 318 contraordenações, mais 21 que na última operação.

Quanto aos ilícitos, a maior incidência registou-se no furto de azeitona e pinha mansa, tendo sido apreendidas 55,53 toneladas de azeitona, mais 36,35 toneladas, correspondente ao triplo do valor de 2016.

Foram também apreendidos 525 quilos de pinha mansa, cinco vezes mais que a quantidade apreendida em 2016.

O reforço de patrulhamento da GNR pretende prevenir e reprimir a criminalidade nas explorações agrícolas, transmitindo aos agricultores um sentimento de segurança, proximidade e de confiança.

Redação / CM