Lisboa e Porto são o maior problema









Governo gasta anualmente 600 milhões de euros