Elton Camará, um dos 44 acusados com o ex-presidente do Sporting Bruno de Carvalho, no âmbito do ataque à Academia de Alcochete, foi esta quinta-feira de manhã detido pelas autoridades depois de ter estado em fuga várias horas.

O detido, sob autorização do Tribunal do Barreiro, ausentou-se para uma consulta médica, acabando por não regressar a casa no tempo previsto.

Durante o tempo que esteve em fuga, permaneceu sempre com a pulseira.

O alerta foi dado às autoridades e o suspeito acabou por ser apanhado em Marvila, Lisboa, e, posteriormente, detido. Elton Camará não ofereceu resistência no momento da detenção.

O suspeito foi esta quinta-feira presente a primeiro interrogatório judicial ao início da tarde no Tribunal de Almada. Uma vez que violou a medida de coação outrora aplicada, vai agora manter-se em prisão preventiva no Estabelecimento Prisional de Setúbal.

Daniela Rodrigues / Notícia atualizada às 17:11