Um militar da GNR foi arrastado de carro na última noite, quando tentava deter em flagrante um suspeito de furto de gasóleo em Estremoz, distrito de Évora.

No decorrer da ação, o homem não acatou a ordem da GNR e pôs-se em fuga, com o militar a tentar agarrá-lo através da janela do carro.

O elemento do Núcleo de Investigação Criminal de Estremoz acabou por cair do carro do suspeito, que circulava a 60 km/h, e teve de receber tratamento hospitalar.

Um segundo militar foi alvo de tentativa de atropelamento, no seguimento de mais uma ordem de paragem.

O suspeito está em fuga e em parte incerta.