Cinco pessoas morreram, este domingo, em Fermentões, concelho de Vila Real, vítimas de intoxicação. A informação foi confirmada à TVI por fonte do  Centro Distrital de Operações e Socorro (CDOS) de Vila Real. 

De acordo com o INEM, estão confirmadas cinco vítimas mortais, por inalação de monóxido de carbono. 

Contudo, o comandante dos Bombeiros de Sabrosa, José Barros, disse à TVI que "todas as hipóteses estão em aberto". Fonte da GNR adiantou também à TVI que as causas do incidente ainda não são totalmente claras.

A Polícia Judiciária foi chamada ao local para recolha de indícios. 

O alerta foi dado pouco depois das 16:30, mas o incidente terá acontecido durante a noite. De acordo com fonte dos Bombeiros de Sabrosa, as vítimas têm entre oito e 54 anos. Terão sido encontradas por familiares que deram pela sua falta e os foram procurar a casa. 

As vítimas estavam em compartimentos da casa separados, "dois quartos, sala e cozinha", adianta o comandante dos Bombeiros. 

Os adultos seriam caseiros numa quinta no Douro e esta casa seria usada só durante o fim de semana. A casa não teria luz eléctrica e a eletricidade seria fornecida através de um gerador que estava no interior da habitação.

Pelas 18:40, a Proteção Civil contabilizava no terreno um total de 23 elementos, apoiados por 12 viaturas. Vários familiares das vítimas tiveram de receber assistência no local.