Um juiz de instrução criminal no Tribunal de Guimarães aplicou esta segunda-feira prisão preventiva a um homem que na noite de sábado esfaqueou quatro pessoas em Fermentões, naquele concelho, provocando a morte a uma delas, disse fonte policial.

Segundo a fonte, o homem, de 52 anos, está indiciado de quatro crimes de homicídio, três deles na forma tentada.

A vítima mortal é uma mulher de 46 anos.

Fonte médica do Hospital de Guimarães disse à Lusa que a mulher morreu no bloco operatório daquela unidade, vítima de feridas "profundas no abdómen" e "laceração de múltiplos órgãos".

O filho da vítima mortal, de 26 anos, também ficou ferido com gravidade, tendo entrado no hospital com uma "ferida penetrante no tórax", mas está "estável" e a evoluir favoravelmente.

Do “ataque”, resultaram ainda dois feridos ligeiros, um homem e uma mulher, que foram atingidos nos membros superiores mas que já tiveram alta hospitalar.

O alegado agressor entregou-se entretanto na PSP, tendo o caso passado para a alçada da Polícia Judiciária.

O alerta para o caso foi dado pelas 22:15 de sábado, tendo as agressões sido registadas junto a um café.