Os clínicos afectos ao Sindicato Independente dos Médicos convocaram uma greve nacional para o dia 30 deste mês, coincidindo com a greve geral da função pública, segundo um comunicado hoje divulgado pela estrutura representativa dos trabalhadores.

A actual política laboral, social e de saúde do Governo é, globalmente, o motivo invocado pelo Sindicato Independente dos Médicos.

A paralisação decorrerá entre as 00:00 e as 24:00 do dia 30 de Novembro, de acordo com o pré-aviso de greve.

A paralisação deverá abranger todos os serviços de administração central, regional e local e todos os serviços do sector empresarial público e todos os médicos, qualquer que seja a sua carreira, categoria, função ou vínculo jurídico.
Portugal Diário