Um homem, de 38 anos, foi detido dois dias seguidos pela PSP do Porto, em flagrante, pelo mesmo tipo de crime, furto em estabelecimento comercial e escritório, informou esta sexta-feira aquela polícia.

Em comunicado, refere que cerca das 04:00 desta sexta-feira, na rua de Quanza, Porto, o homem foi encontrado escondido no interior do espaço comercial.

Na sequência de informações dando conta de estar a ocorrer um furto no interior de um estabelecimento comercial localizado na referida rua”, os agentes verificaram no local que “o estabelecimento apresentava uma janela arrombada e o sistema de alarme acionado”.

O homem, desempregado, tinha sido detido na madrugada de quinta-feira no interior de um escritório localizado na rua Nove de Abril, na cidade do Porto, “não concretizando o furto, uma vez mais, devido à rápida intervenção policial”, acrescenta.

/ CE