A GNR deteve 172 pessoas em flagrante delito no último fim de semana, incluindo 98 por condução sob o efeito do álcool, 17 por tráfico de droga e um por violência doméstica, informou esta segunda-feira esta força de segurança.

A GNR registou ainda 19 detenções em flagrante por condução sem habiltação legal, quatro por posse ilegal de arma e de arma ilegal, dois por furtos e um por falsificação.

As operações da GNR decorreram em todo o território e visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras.

Quanto a apreensões, a GNR contabilizou 301 doses de heroína, 281 doses de haxixe, 11 doses de MDMA, sete doses de folhas de canábis, quatro armas brancas, uma caçadeira, 865 euros, 50 dólares norte-americanos, 20 libras esterlinas e um veículo.

Relativamente ao trânsito, a GNR detetou 1.752 infrações, sendo de destacar 823 por excesso de velocidade, 217 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 76 por falta de inspeção periódica obrigatória, 34 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças e 34 por falta de seguro de responsabilidade civil.

Foram ainda detedadas 26 infrações por uso indevido do telemóvel no exercício da condução, 26 outras relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização e 15 relacionadas com tacógrafos.