Um homem de 39 anos foi detido na sexta-feira em Santo Tirso após ter disparado uma arma de fogo em casa, num episódio de alegada violência doméstica sobre a esposa e três filhos menores, revelou hoje a GNR.

O disparo protagonizado pelo homem, segundo os militares da GNR, deixou os filhos “aterrorizados”.

A esposa tem 36 anos e estão casados há 14 anos, residindo na Vila das Aves, lê-se ainda na nota de imprensa

Na sequência da busca domiciliária, foi apreendida “uma arma de fogo, seis munições e uma sovaqueira”, refere a GNR.

O homem, continua o comunicado, “aparentava estar sob o efeito de álcool” tendo sido submetido ao “teste de alcoolemia resultando numa taxa de álcool superior à legalmente permitida”, após o que foi feita a detenção.

Presente no sábado a primeiro interrogatório no Tribunal de Instrução Criminal do Porto, foram-lhe aplicadas as medidas de coação de “proibição de adquirir ou conservar arma de fogo, armas brancas ou de outro tipo, obrigação de se afastar da residência da vítima e proibição de a contactar por qualquer meio”, informou a Guarda.

/ RL