A GNR apreendeu 38 animais de companhia na terça-feira numa habitação do concelho do Montijo, no distrito de Setúbal, tendo sido constituída arguida uma mulher, como foi anunciado esta quarta-feira.

Em comunicado, a GNR refere que a mulher, de 57 anos, entretanto constituída arguida, mantinha na sua habitação, na localidade de Afonseiro, 31 cães, seis gatos e um hamster.

Referenciado por ser um local de acumulação de animais de companhia, a que se seguiram as respetivas fiscalizações por várias entidades, contudo as condições de bem-estar animal e salubridade pública agravou-se nos últimos tempos”, aponta a nota.

A operação de resgate dos animais foi realizada numa ação conjunta entre a GNR, a Autoridade Veterinária Municipal do Montijo, com o apoio de médicos veterinários do município do Barreiro e da Moita e por elementos da Associação Zoófila PATAS & Tino Portugal.

Os 38 animais de companhia foram encaminhados para o Canil Municipal do Montijo, onde estão a ser acolhidos e a receber tratamento médico-veterinário, esperando-se que possam vir a ser adotados.