Um casal morreu em Gondifelos, Vila Nova de Famalicão, num contexto que a polícia admite configurar violência doméstica. Em declarações à TVI24, fonte do Comando Territorial da GNR de Braga confirmou que uma patrulha foi chamada ao local pelas nove da manhã deste domingo por vizinhos do casal, que não viam o homem e a mulher desde o meio-dia de sábado.

Na habitação, os militares encontraram dois corpos no chão: a mulher, já sem vida, e o homem ainda com sinais vitais. Foi assistido, mas viria a morrer vítima dos ferimentos. Ambos terão morrido por disparos de arma de fogo.

A mulher tinha 58 anos e o homem 61. "Há indícios de homicídio seguido de suicídio", confirmou a GNR. 

A Polícia Judiciária já está a investigar.