A GNR pôs fim a uma festa de aniversário que decorria no sábado na aldeia de Famalicão da Serra, Guarda, com a presença de oito pessoas, por incumprimento das restrições impostas devido à pandemia de covid-19.

Segundo fonte do Comando Territorial da GNR da Guarda, a festa de aniversário decorria pelas 21:00 na garagem de uma habitação daquela localidade do concelho da Guarda.

Após uma denúncia, a patrulha deslocou-se ao local e encontrou oito pessoas que estavam a festejar um aniversário, sendo que apenas duas delas moravam naquela habitação”, disse à agência Lusa a mesma fonte da GNR.

Os participantes na festa de aniversário foram todos identificados e a GNR elaborou o respetivo expediente.

Foram elaborados seis autos de contraordenação aos indivíduos que lá se deslocaram e ao proprietário da residência”, por incumprimento das restrições impostas devido à pandemia de covid-19.

As seis pessoas que não moravam na habitação foram acompanhadas pelos militares da GNR até às suas residências e vão ter de pagar coimas que podem variar entre os 200 e os mil euros.

O proprietário da residência também está sujeito ao pagamento de uma coima idêntica por ter promovido o encontro.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.310.234 mortos no mundo, resultantes de mais de 105,7 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 13.954 pessoas dos 761.906 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

/ CE