Um homem terá matado, esta sexta-feira, a mulher e a cunhada, tentando o suicídio, depois de chamar as autoridades, no concelho do Alandroal. A informação foi avançada à TVI por fonte da GNR. O alerta foi dado às 11:42.

A mesma fonte descreveu à TVI que, quando a patrulha chegou ao local, se deparou com duas mulheres já cadáveres e com um homem ainda com vida, que terá tentado o suicídio. O crime aconteceu na localidade de Terena, à entrada da habitação da cunhada. 

Vizinhos ouvidos pela TVI dizem que têm todos idades acima dos 80 anos. De acordo com fonte do INEM, as mulheres tinham 83 e 80 anos e o homem tem 83 anos.

Testemunhas falam em quatro disparos.

O homem foi transportado em estado grave para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa, pelo helicóptero do INEM, mas viria a morrer no bloco operatório. 

Por se tratar de um crime com arma de fogo, a investigação foi entregue à Polícia Judiciária. Fonte da PJ, contactada pela Lusa, confirmou tratar-se de duplo homicídio, seguido de tentativa de suicídio.

No local, esteve uma ambulância de suporte básico de vida de Estremoz, a VMER do hospital de Évora e bombeiros do Redondo e do Alandroal.