A Polícia Judiciária identificou, lozalizou e deteve, esta segunda-feira, um homem suspeito de ter atingido o irmão com um catana, causando-lhe graves ferimentos na zona da cabeça e braços em Ponte de Sôr.

Ao suspeito, de 41 anos, recaem "fortes indícios da prática do crime de homicídio, na forma tentada"

A Polícia Judiciária, através da Unidade Local de Investigação Criminal de Évora, identificou, localizou e procedeu à detenção de um homem, com 41 anos de idade, por sobre ele recaírem fortes indícios da prática do crime de homicídio, na forma tentada", lê-se no comunicado enviado às redações. 

Os factos ocorreram no dia 2 de fevereiro, por volta das 21:30, na habitação onde ambos viviam.

A vítima, de 59 anos, ficou com ferimentos graves na zona da cabeça e dos braços, tendo sido internada, mas, atualmente, não corre perigo de vida.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a  medida de coação de prisão preventiva.

/ CE