Uma nova sessão do julgamento de Rosa Grilo, acusada de assassinar o marido, o triatleta Luís Grilo, foi marcada para o dia 18 de fevereiro, terça-feira.

A sessão está marcada para as 15:00.

Ainda não é certo que se vá proceder à leitura do acórdão, já que corre ainda o prazo para responder aos requerimentos apresentados pelas defesas.

A defesa de Rosa Grilo já tinha pedido para ouvir mais testemunhas e considera que as alterações feitas aos factos que constavam na acusação são alterações substanciais. Caso os requerimentos apresentados pelas defesas sejam indeferidos, a sentença pode já ser conhecida no dia 18. 

A leitura da sentença estava inicialmente marcada para 10 de janeiro, mas foi adiada porque o Tribunal de Loures  requereu “alteração não substancial” de alguns dos factos constantes da acusação. 

António Assis Teixeira