O Centro Hospitalar Universitário de São João (CHUSJ), no Porto, iniciou, este sábado, a inoculação da dose de reforço da vacina contra a covid-19. A vacinação abrange 4.100 profissionais de saúde ao longo deste fim de semana.

O diretor do serviço de Doenças Infecciosas e primeiro vacinado contra a covid-19 em Portugal, António Sarmento, foi simbolicamente o primeiro a receber a dose de reforço na instituição.

"É um dia de grande alegria. Ao vacinarmos os profissionais do hospital estamos a proteger os nossos doentes", começou por frisar o responsável, frisando que a covid-19 "não é uma doença ligeira, normal".

"A quantidade de pessoas que têm doença grave ou morrem com a vacina não tem qualquer comparação com os vacinados", reiterou o médico, que deixou uma mensagem "realista" aos negacionistas da pandemia.


 

Rafaela Laja