Uma idosa de 73 anos dada como desaparecida desde sexta-feira à tarde foi encontrada morta ao início da manhã no rio Fervença, junto à ponte do Jorge, em Bragança, disse à Lusa fonte dos bombeiros locais.

De acordo com o segundo comandante dos Bombeiros Voluntários de Bragança, Carlos Martins, as circunstâncias da morte ainda estão a ser apuradas pela PSP, mas poderá ter-se tratado de um acidente.

Conforme explicou, o alerta para o desaparecimento da vítima, que vivia numa casa de acolhimento da cidade de Bragança, foi dado à PSP pelas 17:30 de sexta-feira, quando o cão com o qual a idosa tinha saído para passear regressou sozinho à instituição.

Pelas 22:00, foi solicitada pela PSP a colaboração dos Bombeiros de Bragança, tendo as buscas decorrido durante toda a noite e sido reforçadas com o nascer do dia, num total de cerca de duas dezenas de operacionais e várias viaturas.

A idosa viria a ser localizada já sem vida pelas 06:45, no leito do rio Fervença.