Estão infetados com covid-19 20 trabalhadores imigrantes de várias explorações agrícolas de Ferreira do Alentejo.

Os imigrantes habitam todos juntos em várias casas da aldeia de Santa Margarida do Sado. De acordo com a autarquia, o surto está circunscrito ao grupo de imigrantes e a falta de contacto assíduo com a comunidade local ajudou a evitar o alastrar da infeção a outros habitantes da aldeia.

Os 20 imigrantes estão bem, sem sintomas graves, e cumprem confinamento obrigatório nas casas onde vivem na aldeia, separados dos restantes quatro elementos do grupo que tiveram resultados negativos.

A entidade patronal responsabilizou-se por garantir as boas condições de alojamento, a alimentação e o abastecimento de produtos e bens essenciais aos infetados.

O grupo também está a ser acompanhado pela autoridade de saúde local. 

Redação