Uma mulher de 55 anos, casada, foi detida pela Polícia Judiciária por suspeita de dez crimes de incêndio no concelho de Castelo Branco, indicou a PJ neste sábado.

A detida é suspeita de ter ateado fogos em edifícios, terrenos agrícolas, terrenos não cultivados e matas, "todos na freguesia de Salgueiro do Campo", nos meses de agosto e setembro.

A mulher, que é empregada doméstica, terá recorrido a "fósforos e pinhas" para atear os incêndios.

A atuação da suspeita colocou em perigo a integridade física e a vida de pessoas, habitações e a grande mancha florestal na proximidade", apontou a PJ, no comunicado divulgado.

A detida vai, agora, ser presente às autoridades judiciárias para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação.

Redação / CM