Um incêndio num apartamento de um prédio em Viseu causou, nesta madrugada, três desalojados.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) disse à Lusa que o alerta para o incêndio no prédio habitacional na Rua 31 de Janeiro, no centro de Viseu, foi dado pelas 00:34.

Segundo explicou o segundo comandante dos Sapadores de Bombeiros de Viseu, Rui Nogueira, o incêndio deflagrou por “causas ainda desconhecidas numa sala/escritório num dos apartamentos de um prédio multifamiliar”.

A rápida intervenção dos bombeiros permitiu evitar uma propagação e danos nas estruturas ainda maiores”, acrescentou.

No entanto, as chamas “provocaram danos muito significativos em todo o apartamento, que ficou destruído, com danos nas estruturas e no recheio”.

Os três habitantes do apartamento ficaram desalojados e “não terão condições para regressar enquanto não forem efetuadas obras”, adiantou Rui Nogueira.

Os bombeiros retiraram 17 pessoas do prédio, das quais cinco foram assistidas no local e depois transportadas para o hospital, devido à “inalação de fumos”.

“São todos feridos leves por intoxicação”, esclareceu o segundo comandante dos Sapadores de Viseu.

Fonte do CDOS adiantou que no local estiveram 17 operacionais, apoiados por sete veículos dos Sapadores de Bombeiros de Viseu, Voluntários de Viseu, PSP e Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

/ CM