Inncêndio que deflagrou pelas 09:15 em Aboim da Nóbrega, Vila Verde, igualmente no distrito de Braga, “está quase dominado”.

Cento e trinta operacionais combateram o incêndio florestal, segundo informação disponibilizada na página da Autoridade Nacional da Proteção Civil. De acordo com a mesma página, o incêndio em mato tinha, pelas 13:00, uma frente ativa.

Pouco depois das 18 horas foi dado como "quase dominado" e tem ainda dois meios aéreos no local.

112 operacionais em Póvoa de Lanhoso

Um incêndio florestal que deflagrou pelas 06:17 em Leiradela, freguesia de Travassos, Póvoa de Lanhoso, está dominado, disse à Lusa o comandante distrital de Operações de Socorro de Braga.

Segundo a mesma fonte, o incêndio, pelas 12:00, tinha duas frentes ativas, extintas durante a tarde.

A fonte acrescentou que o incêndio lavra numa zona de mato, não havendo registo de feridos nem de habitações atingidas.

Vento forte dificultou combate

O "vento forte" foi a principal dificuldade no combate ao incêndio florestal.

Em declarações à Lusa, Hermenegildo Abreu, comandante distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Braga, adiantou que o combate ficou "facilitado" a partir da tarde, com a diminuição da força do vento.

Outra dificuldade encontrada pelos operacionais foi o "declive" do terreno.