Um incêndio que lavrou com intensidade desde as 17:10 desta terça-feira num povoamento florestal em Fontes, concelho de Abrantes, entrou em fase de resolução às 19:53, mantendo-se no terreno perto de 300 operacionais, disse fonte da Proteção Civil.

O incêndio evoluiu ao longo de quase três horas numa zona de pinheiros e eucaliptos na freguesia de Fontes, Abrantes, e entrou em fase de resolução às 19:53”, afirmou à Lusa o comandante Paulo Cardoso, do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) do distrito de Santarém.

Segundo Paulo Cardoso, o dispositivo “centrou as suas atenções no combate, uma vez que não houve pessoas nem bens em perigo que obrigassem a uma dispersão dos meios no terreno".

No local, às 20:25, "mantêm-se 287 operacionais apoiados por 81 viaturas, duas máquinas de rasto e três meios aéreos" que "combatem os pontos quentes do incêndio, nos flancos do mesmo", adiantou o responsável do CDOS, perspetivando mais algumas horas de trabalho em operações de "combate, consolidação e rescaldo".

O incêndio chegou a ser combatido por 271 operacionais e nove meios aéreos.