O cancro no intestino, para além de ser um dos mais mortíferos, é ainda o terceiro mais comum, só sendo superado pelo cancro da mama e da próstata. 

Em Portugal, a taxa de incidência ultrapassa os 30 casos por 100 mil habitantes.

Este tipo de cancro, que também é conhecido por Cancro do Colorretal, afeta mais os homens, sendo mesmo a segunda forma mais comum entre o sexo masculino.

A prevenção do cancro do intestino passa fundamentalmente pela adoção de hábitos saudáveis e a realização de exames para a deteção precoce de pólipos ou lesões no cólon e reto.