Uma libertação de gás fosfina na empresa Pecomark, na zona industrial da Maia, causou intoxicações em vários funcionários, apurou a TVI. A empresa estaria em trabalhos de manutenção.

Segundo fonte do INEM, seis pessoas sofreram intoxicação, mas quatro recusaram tratamento hospitalar.

Dois homens, um de 50 e outro de 57 anos, foram transportados, sem acompanhamento médico, ao hospital de São João para receber tratamento.

De acordo com o CDOS do Porto, a fuga de gás “está em averiguação e resolução”, não sendo conhecida “para já a origem da fuga nem o gás em questão”.

No local estiveram a VMER do Hospital de São João, a Ambulância de Suporte Imediato de Vida de Valongo, a ambulância do INEM da Maia e duas ambulâncias dos bombeiros de Moreira da Maia.