"Serão cinco milhões de euros para a área do Polis Litoral Norte, que abrange Caminha, Viana do Castelo e Esposende. Trata-se de um montante para investir em intervenções um bocadinho diferentes das até agora realizadas. Serão intervenções mais de recarga de praias, reforço dunar. Estamos a pensar poder aprovar esse investimento durante o mês de fevereiro, ou março, no âmbito de um aviso do Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR)."


"Portugal tem que cumprir um conjunto de medidas de adaptação em função das consequências das alterações climáticas e as intervenções que aí vêm são intervenções mais pensadas na manutenção e na estabilidade da linha de costa."